A escova ideal para o seu cabelo

 

 

Adiantamos que há algumas questões que deverá ter em conta: o comprimento, a textura, o couro cabeludo, e claro, a finalidade da escova: alisar, ondular, aumentar ou diminuir volume ou simplesmente modelar e pentear.

Essencialmente, a escova ideal deverá desembaraçar sem partir os fios de cabelo e a escovagem quer-se confortável.

No momento de escolher a melhor opção para si, é realmente importante que conheça o seu tipo de cabelo

Se ainda não está convencida, pense nos momentos de aflição… a escova ideal pode ser a nossa maior aliada contra aqueles cabelos que teimam em ganhar vida enquanto dormimos.

 

 

# Teasing (Escova de ripar)

 

 

Comecemos por uma das mais criativas. Por ter um diâmetro menor, esta escova é ideal para modelar e finalizar. Óptima para quem gosta de penteados com volume e estruturados. Com o auxílio do secador, diminui o frizz e une os fios de cabelo.

A teasing favorece o brilho do cabelo mas o nosso destaque vai para a suavidade das cerdas de javali, responsáveis por espalhar os óleos naturalmente presentes no cabelo.

 

 

 

 

# Cushion (Almofadada)

 

 

Uma das escovas mais comuns pela sua adaptação fácil aos diferentes tipos de cabelo.

Esta Cushion é conhecida como a escova almofadada.

Devido às suas cerdas de nylon bastante flexíveis, adequa-se também a couros cabeludos distintos. No entanto e apesar de ser versátil, poderá ser mais aconselhada para cabelos naturalmente mais lisos ou pouco ondulados.

Vantagem: poderá utilizá-la em cabelos húmidos ou secos sem risco de partir os fios. É ainda utilizada como modeladora quando conjugada com a utilização de um secador.

 

 

# Thermal (Escova redonda de cerâmica)

 

 

Esta escova entra no campo das mais desejadas porque finaliza de forma rápida e simultaneamente é capaz de se adaptar aos diferentes tipos de cabelo.

A mais comum tem uma forma arredondada e um diâmetro capaz de lhe garantir agilidade na hora de ondular e modelar.

Para além de ajudar a secar mais rapidamente (daí ser tão apetecível) esta escova é oca, isto é, tem uma maior circulação de ar e não, isto não é só um pormenor. O calor do secador vai manter-se na zona interior da escova e potencializar a secagem de acordo com o movimento que der ao cabelo.

Resultado: cabelos modelados de forma leve e rápida.

Vantagens: para além da referida rapidez na obtenção de penteados bonitos e duradouros, esta escova elimina o frizz e tem uma função anti-estática.

 

 

https://www.instagram.com/p/BmCJQJqn8-I/

 

 

# Vented Paddle e Paddle (Raquete ventilada e Raquete)

 

 

Ainda que tenha um rol de escovas reduzido, é natural que alguma destas marque presença. São conhecidas como raquetes, sejam ou não ventiladas, isto é, apresentem ou não ligeiras aberturas na parte traseira.

As cerdas são maioritariamente de plástico e têm umas bolinhas na ponta que acabam por proteger o couro cabeludo. Garantem algum volume e são ideias para cabelos lisos e couros cabeludos sensíveis.

São ainda boas opções para utilizar como auxiliar de secagem mas não se esqueça de utilizar um óleo como forma de reforçar a protecção antes da acção do secador. A nossa sugestão vai para o óleo de brushing anti-frizz – torna o cabelo mais suave e permite uma secagem mais rápida.

 

 

 https://www.lorealprofessionnel.pt/hair-care/liss-unlimited/%C3%B3leo-ol%C3%A9o-para-brushing\

 

 

 

 

# Round (a escova redonda)

 

Indicada para todos os tipos de cabelo, confere modelação e volume.

Algumas conjugam cerdas de nylon e javali, o que confere maior suavidade na hora de desembaraçar e pentear.

No caso de ser utilizada em cabelos mais finos, irá conferir-lhe alguns jeitos, mais definição e estrutura.

Por outro lado, quando utilizada em cabelos mais grossos, ajuda a disciplinar, respeitando o couro cabeludo.

Vantagens: é leve, versátil e confere uma ondulação natural.

 

Voltaremos certamente a este tema mas para já, reforçamos algumas dicas de cuidado com a sua escova:

– Lave a sua escova com água morna ou se preferir adicione um pouco do seu shampoo. O ideal será manter esta rotina de duas em duas semanas;

– É importante retirar as impurezas semanalmente, incluindo alguns fios de cabelo que teimam em ficar presos;

– Deixe a escova secar ao ar, isto é, após a sua utilização no cabelo molhado/ húmido, opte por não a colocar de imediato numa gaveta ou armário fechado;

A última, não podemos considerá-la como dica, será apenas uma forma de se mimar: penteie-se com calma, no final do dia, depois de vestir o seu outfit mais confortável – o pijama. Para além de ser relaxante para o couro cabeludo, será certamente relaxante para si.