First Hair Problems: Pontas duplas

 

 

As pontas duplas são a consequência chata de uma série de práticas evitáveis. Aparecem de mansinho, sem avisar, mas têm o poder irritante de deixar o cabelo com um aspeto estragado, simulando um indesejado efeito palha. Em casos extremos, as pontas duplas podem dar lugar a triplas e até quadruplas. Mas tudo depende da forma como trata o seu cabelo. Se abusar das aplicações químicas e das ferramentas de calor, falamos de um destino quase certo; mas se, por outro lado, souber dosear tudo isto, é possível que nunca lhes venha a conhecer a “cara”.

 

 

 

 

A ciência diz que as pontas espigadas são mais comuns em cabelos secos e encaracolados. As características destes fios facilitam o aparecimento do problema, mas isto não significa que as mulheres de cabelo liso não tenham de se preocupar com a questão. Em todo o caso, o melhor é precaver-se com uma rotina adequada. Na dúvida, obedeça a estes cinco mandamentos para garantir distância de segurança para o problema.

 

01. Secador e prancha só para emergências

 

As ferramentas de calor estimulam o aparecimento de pontas duplas, principalmente se as utilizar sem proteger os fios com um protetor térmico. A alternativa passa pela secagem natural. Enxague o cabelo com uma toalha, absorvendo o máximo de água possível, e deixe que o ar faça o resto.

 

O manual de boas práticas diz ainda que deve lavar o cabelo com água morna, para evitar ressequir as pontas dos fios em demasia. E para evitar ser assoberbada pela falta de tempo, planeie bem as lavagens, de forma a evitar secagens com o secador.

 

 

 

 

02. Hidratação é sinónimo de prevenção

 

Logicamente que, se queremos evitar cabelos secos, devemos apostar em tratamentos que estimulem o seu oposto. Neste caso, recomendam-se os produtos hidratantes, como as máscaras, que pode aplicar semanalmente ou de 15 em 15 dias, conforme o estado das pontas dos seus fios.

 

Com este tratamento, arrumam-se dois assuntos; não só se previnem as pontas espigadas, como também o frizz e qualquer opacidade que possa estar à espreita. 

 

 

 

 

Crème de Regénération, de Kérastase, é uma solução que conjuga os efeitos que se procuram num tratamento que tem o objetivo de prevenir as pontas duplas: regeneração da fibra capilar, hidratação intensa, brilho e reconstrução.

 

03. Substitua os químicos pelos naturais

 

Utilizar produtos químicos em excesso dá mau resultado. Seja em colorações, alisamentos ou outro tipo de aplicações, opte, sempre que possível, pelas alternativas naturais. Os processos químicos danificam a fibra capilar, especialmente se forem feitos com muita frequência, por mãos inexperientes e com recurso a produtos de baixa qualidade. E as pontas duplas podem resultar destes processos, a par de outros problemas igualmente trabalhosos de corrigir.

 

Nestes casos, se o estado exigir remédio em vez de prevenção, para tratar os fios, deve apostar em produtos reconstrutores, que são especialistas em nutrir o cabelo tal como este exige. A gama Résistance, da Kérastase, é ideal para o efeito, uma vez que as fórmulas foram pensadas e desenvolvidas para reconstruir a substância interna dos cabelos enfraquecidos por efeitos químicos e mecânicos, devolvendo-lhe a sua força e resistência.

 

 

 

 

04. Caracóis exigem cuidados redobrados

 

É verdade: os cabelos encaracolados sofrem mais com as pontas espigadas. Esta relação verifica-se porque os fios em espiral impossibilitam a livre circulação dos óleos naturais do couro cabeludo, que assim não chegam a embeber as extremidades. Em consequência, estas sofrem mais com a secura do que as dos cabelos lisos.

 

Para compensar, as mulheres de cabelos cacheados e crespos devem ter cuidados redobrados no que toca à hidratação dos fios. E ao aplicar, devem concentrar-se no comprimento e pontas, para evitar que os óleos se concentrem nas zonas onde os naturais já chegam.

 

 

 

 

05. Importância máxima aos finalizadores

 

Se já obedece aos quatro primeiros mandamentos e, ainda assim, tem notado algumas pontas espigadas no seu cabelo, então é provável que tenha desprezado os finalizadores, que devem ser parte essencial num ritual de cuidados que visa evitar problemas como este. Por isso, faça questão de se manter perto de um leave-in e não salte este passo da sua rotina, que pode ficar a cargo, por exemplo, de Spray Fluidissime, de Kérastase.